Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

Então e 2015?

Em 2015 quero tanta coisa diferente deste ano. Quero mais liberdade, menos peso nos ombros. Mais espaço, menos barulho. Mais música, menos silêncio. Quero pensar mais em mim e nos meus, e deixar um bocadinho os outros no lugar deles. Não mover as minhas montanhas para chegar aos outros. Esperar que os outros movam as suas. Se não moverem, não faz mal. Quero mais lágrimas, preciso de chorar. Aliviar a alma. Ando acumular tanta coisa. Escondida debaixo do tapete, como quem diz, amassada. Quero recuperar-me. Superar-me. Ou simplesmente, admitir que a luta nem sempre é vencida. Às vezes, é perdida. Às vezes, é só uma luta. Quero a realização de sonhos. Está quase, tão perto. Quero deixar que o frio vire motivo em vez de desculpa. Que valha a pena. Não quero mais diz-que-disse, nem mais gelo no lugar quente que era o meu coração. Não era assim. Não gosto assim. Quero mais ajuda, mas vou continuar sem pedir. Não se pode mudar tudo. Quero mais escrita, mas doces, mais filmes de pipoca na mão. Não quero ser mal atendida, não darei segundas oportunidades. Talvez volte com a palavra atrás. Nem tudo pode ser tão branco no preto. Nem preto, só O preto. Vou, juro por deus, vou reclamar menos dos outros. De mim, sobretudo de mim. Quero ver se deixo as asneiras, não vá o miúdo aprender e repetir. Quero continuar a minha saga de poupanças e comida. Recuperei o peso, já tinha dito? Vá, faltam dois/três quilos. Quero mais desporto, bicicleta será o meu meio de transporte preferido em 2015. Em 2015, estou decidida em agarrar nos malditos limões e substitui-los por morangos. Foi um ano de sonhos e pesadelos. Onde uma linha muito fina separou os dois. O ano em que ser mãe pesou mais do que ser mulher ou alguém. Em 2015 vamos equilibrar. Quero largar o trapézio. Quero respirar fundo e dizer: “era mesmo isto!”.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D