Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

Uma tarde no Chiado

Esta tarde esteve fria, no Chiado não. Todas as lojas onde entrei tinham o ar condicionado no máximo. Tive vontade de me despir diversas vezes e montar um desfile de Carnaval ali mesmo. Cheguei a sentir-me mal na Kiko. Não fosse a prioridade a que tenho direito e tinha caído para o lado. Lisboa está decorada, bonita, cheia de pessoas. Cheiro a castanhas por todo o lado. Filas imensas em todas as lojas. Fiz umas belas compras. Ah, consegui comprar umas calças que combinassem com a minha barriga de vinte e sete semanas na Stradivarius. O delírio em frente ao espelho. As ruas estavam cheias de peditórios para associações. A cada canto. A MTV andava a distribuir preservativos. Fotos e mais fotos. estive num Salão de Chá belíssimo, com um atendimento fraco. A minha barriga portou-se bem, nao senti cansaço nem dores. 

 

Adoro ir ao Chiado nesta altura. Adoro, adoro. É uma tradição entre amigas. 

Ups

Chegar a casa e ser surpreendida. E morder a língua. Ups. Like it! As mudanças começaram... Muito trabalho pela frente, todo um quarto de bebé para preparar.

Mango Outlet Campera

Obrigada Mango por me dares a possibilidade de comprar roupa quente com 50% de desconto. Malhas quentes, era tudo o que eu precisava este inverno. Obrigada por ajudares na hora de poupar uns trocos. Obrigada por teres malhas com cores giras. Estou muito satisfeita contigo.

Apelo: deixa de fazer comentários destrutivos nas redes sociais

Vivemos no século XXI, as pessoas continuam a matar-se devido ao bullying provocado pela sociedade. As redes sociais são cada vez mais usadas para praticar bullying.

Segundo a Wikipédia,

*Bullying* é um termo utilizado para descrever actos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo ou grupo de indivíduos causando dor e angústia, sendo executadas dentro de uma relação desigual de poder.

Regularmente, saem notícias de suicídios de adolescentes devido à pressão que sentem nas redes sociais. A maioria das mortes está relacionada com fotografias ou vídeos sexuais levados a público após chantagem. Vídeos e fotografias que circulam à velocidade da luz nas redes sociais. São feitos centenas de comentários por outros adolescentes de carácter ofensivo, provocando danos psicológicos graves à vítima.

Algumas pessoas gostam de tirar fotografias enquanto fazem sexo, outras preferem filmar. Bastante comum, hoje e desde sempre. É muito natural que o façam com pessoas de confiança. Uma relação é feita na base da confiança. Por segurança, apagam as fotografias e os vídeos. Mas nem sempre acontece. Algumas fotos são trocadas por telemóveis entre casais. Natural, somos livres para fazermos o que quisermos com o nosso corpo. A pessoa com quem mantemos uma relação nem sempre é de confiança, pode revelar-se vingativa mais tarde dando origem a consequências, fotos e vídeos a circular à velocidade da luz por conhecidos e desconhecidos.

As pessoas continuam a criticar as atitudes dos outros. No alto da sua perfeição apontam o dedo desenfreadamente. E ainda se sentem felizes por isso. Comentários escondidos no anonimato, gargalhadas silenciosas e ignorantes. É preciso ter cuidado com o que é dito, mesmo em anónimo. Ser agredida psicologicamente, diariamente, por tudo e todos não é fácil. As ofensas chegam com muito impacto à vítima. Um comentário maldoso pode estar na origem de uma decisão de suicídio de um adolescente sem força e/ou em depressão.

Sexo não é crime mas parece. Condenações feitas por terceiros não deviam valer tanto na vida de alguém, infelizmente fotos sexuais e vídeos entre duas pessoas que gostam de fazer sexo ainda é motivo para chocar algumas pessoas. Numa sociedade em que as mulheres querem aparecer nuas nas capas de revista, vários casais fazem sexo em programas de tv, ainda é tabu alguém filmar o acto sexual.

As mulheres são as maiores vítimas de bullying deste género. Machismo puro. Os homens são vistos como heróis, ao contrário da mulher. Em pleno século XXI. As mulheres devem gostar de sexo mas nunca expor os seus desejos.

Chantagem é crime. Bullying também. Ignorantes aqueles que fazem chantagem e enviam as fotos privadas de alguém para outra pessoa. Ignorantes aqueles que prometeram guardar fotos íntimas mas acabam por esquecer a sua palavra. Esses sim, são os culpados. E deviam sentir vergonha dos seus actos.

Desejo profundamente que as mentes desta sociedade mude rapidamente. Mentes confusas, desequilibradas e cheia de ódio pelos outros. Desejo que ninguém ceda às chantagens e não se mate por questões como esta. Desejo que o bullying acabe de uma vez por todas.

O desafio da Gratidão

A Maria Pinto do blog so_risoincognito.blogs.sapo.pt passou-me este desafio.

*"Escrever o nome da pessoa que consideram mais importante e justificar (Se quiserem e se sentirem à vontade com isso liguem para a pessoa e leiam o que escreveram);*

*Nomear 3 bloggers para este desafio;*

*Pedir que visitem o blog http://letmedream.blogs.sapo.pt <http://letmedream.blogs.sapo.pt> e que digam que participaram neste desafio (assim eu saberei todas as histórias)"*

Daniela

É a minha mana mais nova. A nossa ligação não tem preço e distância. É amor incondicional.

Nomeio a Fátima Bento, a Life Inc e a m-M.

Já sei onde é que vou cortar o cabelo da próxima vez

A senhora tem perto dos oitenta anos e ainda exerce a profissão de cabeleireira em Lisboa. As clientes têm quase todas as mesma idade. É lá que vou cortar o cabelo da próxima vez. Vou ficar com uma peruca de invejar o mais bem penteado. Um mimo. Depois vou para o baile dar um pé de dança cheia de laqué. Me aguardem.

Também não gosto de cortinas

Sério. Nem de tapetes, almofadas, velas, candeeiros e cómodas.

Para mim, não havia nada para limpar dentro de casa. Só tenho cortinas porque vivo perto de gente cusca. A semana passada meti os cortinados da cozinha a lavar e quase que pedi a uns quantos vizinhos para me tirar fotos em pijama enquanto jantava. Os cortinados servem para tapar os pijamas dentro das meias, as festas privadas e torna o ambiente um bocadinho menos à vista de quem passa. Os ladrões adoram ver o que se passa na casa das pessoas. Não podem ver máquinas a brilhar. Só por isso é que uso cortinas. Sou a favor de um mundo sem cortinas. Sem medos.

Os tapetes só servem para acumular cabelos e enfeitar o chão. Ninguém se deita nos tapetes, tirando o cão ou o gato. Os tapetes também podiam ser abolidos. Excepto o tapete à entrada de casa.

Velas, estava a brincar.

Candeeiros, detesto. Podiam desaparecer todos. Só acumulam pó, tiram espaço e apeteceu-me dizer que detesto candeeiros para ser diferente.

Cómodas, estava a brincar outra vez.

O meu desagrado

Impressionante, para os homens há tempo para tudo. Tudo se faz com calma e tranquilidade. Excepto saber o resultado do último jogo da Liga dos Campeões. Eu, mulher, sou como as mulheres no geral. Não se deixa para amanhã o que se pode arrumar hoje. O que tem de ser feito não vale a pena adiar. Arregaçar as mangas e enfrentar tudo com vontade. Não estou para deixar para a última, gosto de respirar fundo e ter tudo do meu jeito. Pronto. Descanso do herói. Neste caso, da heroína. Os homens, parece-me, só trabalham à base do empurrão (chamada pressão feminina). Por isso é que eles envelhecem mais tarde. Pudera.

Pág. 1/8

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D