Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

Dieta de compras

Este mês comecei a poupar. Não comprei nada para mim. Quase nada. Nada também é exagero. Estou a levar a tarefa muito a sério. E milagre, estou a conseguir. Comprei umas coisas para a mana Daniela, mas nada de especial. Decidi controlar as compras de livros e só comprei dois livros na feira de antiguidades, gastei quatro euros. Acho que vou bem encaminhada, vou chegar ao final do mês com um pé-de-meia e pretendo/desejo/preciso que o karma se deixe ficar quieto e não me estrague mais nada. Começou por um cabo de computador que felizmente não foi um absurdo de dinheiro. Acho que vou cancelar uma das  mensalidade da internet móvel e só usar internet atraves de Wi Fi. Mesmo que esteja sempre a ir a baixo. São dez euros mensais, é dinheiro. Vou ler tudo o que comprei este ano, estou a falar a sério. Só espero que o desejo não me venha lixar isto tudo, sou uma pessoa consumista e de vez em quando, no emprego, tenho vontade de sair a correr e comprar tudo. Uma veia grossa, uma veia maligna. Como a minha outra veia que me faz comer porcarias atrás de porcarias. Eu adoro porcarias. Não preciso de roupa, não comprei roupa. Comprei três lenços coloridos para alegrar os meus dias. Não comprei sapatos, nem botas, nem nada. Não entro em lojas sequer. Estou em dieta de compras minhas amigas, estou tranquila.

Viva a internet

Ninguém deixa de viver por causa da internet. Aliás, vive mais, queres provas? Eu dou-tas. Estamos todos ligados. Felizmente estamos todos ligados. Aqueles que não têm saldo no telemóvel estão safos. Eu já sei o que se passa com a prima do Norte, com o primo do Algarve. Sei que filme estreou e sei aquilo que não quero ver. Novidades literárias, filmes que vão passar. “Conheci” pessoas fantásticas com quem nunca iria conversar e trocar experiencias se não existisse a internet. Adoro ver fotos de comida, principalmente se preciso de ideias para o jantar. Ainda estou para perceber qual é o problema de existir internet. O problema é sempre o mesmo, não ser oitenta, não exagerar. Mas também há o outro lado, cada um faz da sua vida o que quer. A única regra é respeitar. Em tudo. Eu gosto desta partilha que as redes sociais permitem. E quando estou farta, desligo tudo. Estamos mais perto uns dos outros. Estamos todos à distância de um click. A maior vantagem é a aproximação de culturas, da arte, do mundo cada vez mais uma aldeia.


Vivemos mais quando convivemos com os outros, quando partilhamos e aceitamos as diferenças.


Viva a internet.

Filmes deste fim de semana

A preto e branco. Uma animação muito boa de Tim Burton. Amor para além da vida entre um menino e um cão.
A Casa Fantasma em português. Uma animação assustadora e divertida.
O filme ideal para esta altura. Sobre a escolha do novo Papa, um Papa com duvidas. Interessante.
Perturbante. Sobre o caso da mãe que mata a própria filha e é absolvida. Ainda não acabei de ver, comecei a ver há dez minutos.

O Papa que nunca amou uma mulher

O Papa não queria ser Papa porque queria amar uma mulher.

 

Só depois de um homem amar uma mulher é capaz de conhecer o significado de um abraço, uma lágrima, uma vitória e de um sonho. Uma mulher tem as condições perfeitas, mesmo com os seus defeitos, para preencher a vida de um homem. Como dizer isto sem magoar seja quem for? A mulher é o ser mais completo que Deus fez. Posso dizer assim? Um homem só conhece a sua própria alma depois de ouvir da boca de uma mulher aquilo que ele é. Uma mulher sabe dize-lo na altura errada, da forma mais amarga mas sincera. Sinceridade mexe e constrói uma alma incompleta. É como construir pedaços sobre pedaços e esculpir uma obra de arte. A mulher é o único ser que consegue tal feito. Quando a obra de arte está completa, a relação mantida entre o homem e a mulher é desligada da corrente. Esse homem está pronto para saber o que quer dali para a frente. Um fim, a humanidade, uma mulher, várias mulheres, um homem ou viver completo à procura de alguém que o deixe incompleto.

 

O Papa nunca teve a sua oportunidade e foi obrigado a servir a Deus. Uma questao de fé de costas voltas ao amor. É possivel?

 

 

do meu blog Crónicas de Amor

...

Pressionar alguém nunca dá bom resultado. Força respostas rápidas, atitudes ou desejos. Empurrar alguém com palavras não dá bom resultado. Acontece que um amigo nosso era um looser em relações amorosas. Enchemos-lhe cabeça todos os fins de semana, até que ele apareceu com uma namorada de um momento para o outro. Simpática e gira, por sinal. Da forma mais rápida possível. Estão naquela fase de se conhecerem melhor. Não sei onde é que isto vai dar nem preciso saber. Já ouvi que ele quer ser padre e celebrar o casamento dela. Já ouvi que gosta dela. Já vi insegurança, ciúmes. Não sei, as pessoas nunca são certas. Hoje algo, amanha logo se vê. O Mundo também não. Ninguém se importa. Não funciono sobre pressão, gosto de ter o meu tempo para pensar antes de avançar seja no que for. A ultima vez que me atirei de cabeça, fiquei sem ela. Não quer dizer que os passos mais demorados não nos deixem cair. Tudo pode acontecer.

 

As pessoas são os passos que dão, não são o caminho que alguém as obriga a seguir.

...

Perdi o cartão de multibanco no dia da feira de antiguidade. Levei cinco euros. Saí a correr. Começou a chover quando cheguei perto dos livros. Os vendedores começaram a arrumar tudo. Consegui comprar dois livros por quatro euros. Regressei a casa triste. Parou de chover. Hoje encontrei o multibanco. E é assim.

Leituras

"Os Miseráveis" é para começar e acabar. Não é livro para enfiar outra leituras pelo meio. Não é livro para parar, ler, parar, ler daqui a um mês, parar, parar, parar, ler mais cem páginas. É o que eu ando a fazer desde a página 500. Dedicar-me única e exclusivamente a Victor Hugo. Sem mais nada. Faltam-me 400 páginas. Por mais que leia, faltam sempre 400 páginas.

Jogos emocionais

Lá vai o tempo dos joguinhos emocionais. “Agora não lhe mando uma sms para até ele mandar”. “ Agora vou dizer que estou no Mónaco para ele não pensar que me tem na mão. Agora vou.“ “Agora vou fingir que estou super bem-disposta para o provocar.” “Agora vou fingir que não tenho ciúmes para ele se sentir inseguro.” Quantas vezes entrei em jogos emocionais e saí a perder? Todas. Basicamente é isto. Queres, enfrenta e diz. Sem esconder emoções e vontades. Os jogos emocionais só servem para baralhar as cabeças humanas com preocupações que cheguem.

Ok, continuo a tentar a substituir o “nada” pelo “não quero falar”. 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2010
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2009
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2008
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D