Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

...

 

 

Já me atiraram à cara que tinha a mania que era melhor que os outros. Isso deixou-me chateada. Mais tarde, a pensar.

 

 

Sim, sou melhor que os outros. Quando os outros mentem por parvoíces sem importância nenhuma e usam mascaras para criar uma ilusão. Quando vejo nos olhos dos outros a dor, e não piso os problemas de ninguém. Quando me preocupo com quem precisa de ajuda e sei reconhecer que não sou melhor que alguém com mais dificuldades que eu. Quando consigo reconhecer a verdade nas lágrimas. Quando  sinto necessidade de ajudar  e não empino o nariz fazendo parecer a minha profissão mais importante do que é. Quando não finjo ter mais dinheiro do que tenho. Quando não faço mau uso de poder seja para o que for. Quando não roubo o mais rico para ter o meu sustento. Quando fico a pensar nas asneiras que faço e não consigo dormir. Quando reconheço que estive mal. Quando me dói a arrogância e o seu uso de forma diária. Quando me dói o coração ver pessoas em piores situações que eu.

 

Sim, assim sou melhor e tenho noção disso. Não é bom?

vale a pena?

 

 

Na hora da discussão só queremos a mão a alisar o nosso cabelo, e ler nos olhos do outro, "vai passar, não passou de um momento estúpido". Na hora da discussão é difícil dizer palavras bonitas, mesmo que o amor seja a maior qualidade de ambos. Não dá para acreditar em histórias de amor  sem momentos maus, sem a dificuldade de entender o que é dito. Não são os erros que comandam, é o casal enquanto enamorado, enquanto crente do seu sentimento. O resto, passa. Por não ser assim tão importante. E não, não é.

 

 

Pode não valer a pena discutir, mas mesmo assim prefiro encarar, bater o pé, deitar para fora o que me chateia por dentro e por fim, esclarecer-me. Isso vale a pena, não é verdade?

coisas de fim de semana

 

 

Foi um meio dia atarefado. Um bolo no forno (o segundo, o primeiro foi para o lixo) e as roupas de Inverno guardados no armário do fundo. Um banho tomado e uma leitura no sofá. O namorado está quase a chegar para o lanche e depois um passeio pela vila. A televisão está ligada com som baixinho, no ecrã está a Rita Pereira com um vestido cheio de brilhantes verdes. A moça é gira. Eu vou ali tirar o bolo do forno. Ah, o Angélico canta mal.

 

...

 

 

Quando acabo de ler um texto sobre sentimentos bonito/bem escrito é com ele que quero partilhar primeiro. Por saber, que é a unica pessoa que conheço que vai saber apreciar e sentir porque o escolhi para ler aquelas palavras. É sempre nele que penso porque no fundo vemos as coisas quase da mesma maneira. E em relação ao Amor, sentimos com a mesma força.

 

127 horas, se estivesse no lugar dele

 

No lugar dele teria chamado centenas de vezes pela minha mãe. Teria chorado e culpado Deus pela maldita pedra a esmagar meu braço magrinho. Teria desejado não ter engordado para conseguir escapar ilesa, por entre a poeira. Como fazia com a chuva. Teria dito, "mas o que estás aqui a fazer, rapariga? precisos de comer, ai que vontade de um big mac.". Felizmente, não estive numa situação do género, nem saberia muito bem o que faria, mas cortar um braço? Não, digo e repito, não gosto de sangue e com certeza iria desmaiar. Como escapar desmaiada? Morria, claro. Aposto que morreria com a mão presa porque sou uma medricas e não ando com facas.

[falando de séries televisivas num curto texto]

A primeira temporada de Modern Family está. Vem aí a segunda temporada nos momentos de relax. Não me lembro de ficar agarrada a uma série como esta desde One Tree Hill. Oh Lucas (suspiro) desculpa, mas troco-te à vontadinha pela família maluca e pelo gordinho colombiano. Dispenso as big mamas da espanhola mesmo debaixo do nariz do meu namorado mas de resto, é perfeito.

[pedido urgente]

Não entendo para que aprendi a tocar flauta com sete anos. Não gostava, desafinava e logo ali desisti do meu futuro artístico. Não percebo porque continuam a ensinar às crianças, mas tenho uma ligeira impressão que tudo não passa de um teste aos nervos dos pais. Dos vizinhos. Do Mundo. Por favor, acabem com as flautas.  Caso contrário, vou chatear-me. 

...

 

 

Verdade, o dinheiro não é tudo e sabes bem disso. Sabes que precisas de amar alguém, de partilhar aquela tua série preferida, aquele filme no cinema, a praia na altura do Verão, o pedaço de calor ao fim do dia. Precisas de dinheiro para fazer tudo isto? Não. Precisas de uma alma sonhadora e um coração apaixonado. Precisas de saber sorrir e aproveitar a vida. Tudo cliché, mas quem sabe um dia descubras que tenho razão em tudo o que escrevi neste paragrafo e comeces a ser realmente feliz.

 

...

 

 

Tive de ir medir a tensão. Enquanto esperava, ouvia uma senhora contar histórias da treta. Sei que somos uns solitários depois de uma certa idade. Ninguém tem tempo, ninguém nos quer ouvir. As pessoas tendem em falar com quem lhes aparece à frente, neste caso com o farmacêutico. Longos minutos depois, fui atendida e reencaminhada para o centro de saúde. Nem pensar,que brutidade . Meti sal debaixo da língua e fiquei boa. Sou tão boa médica, melhor que muitos que estudaram medicina. Tenho um defeito, tenho nojo de sangue e medo de centros de saúde. E não gosto de branco total, não me fica bem.

 

Pág. 1/4

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D