Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

nunca mais te pergunto quem te enviou sms

Pic_connect_large

 

Tumblr_l9ae9kd6c71qb5xafo1_500_large

 

Vá, diz que vais ser igual ao teu namorado. Vais calar os teus ciúmes e esperar que ele tenha mas mostre. A mania de ele ser forte e nunca perguntar nada. Também consegues. Vá, diz que vais dançar com o próximo que aparecer para ver se ele gosta dessas intimidades. Duvido muito. Aposto que se vai sentir mal. Já reparei que ele não gosta quando te armas em forte e ameaças virar alguém com coração de pedra, sem ciúmes e muito segura de si mesma. É tão claro.

os dias deviam ser todos assim

Z217089462_large

 

Gosto de conversar contigo. Entendes sempre o que quero dizer. Ouves e escutas. Não te limitas abanar a cabeça na esperança que me cale e possas ver o que está a dar na televisão. Não me achas chata, nem um bocadinho. Só exagerada em certos assuntos.

 

Vamos falar de Deus, dos livros, nos amigos e nos falsos amigos, de comida, de amor, do principio e das vezes que houve fim. Vamos puxar a manta e encostar a cabeça um no outro. Sossegados a escutar música. Felizes por termos alguém que nos ouve e nos escuta. A sério.

 

Gosto de conversar contigo, gosto muito.

Os livros de 2010, parte três

Oitavo livro

 

Português Suave da Margarida R. Pinto, um livro fácil de ler. Rápido e sem nada de novo a acrescentar.

 

Nono livro

 

O Prazer da Noite. Engraçado e nada mais que isso.

 

Décimo livro

 

Ensaio sobre a cegueira de Saramago. Um livro simplesmente perfeito. Com uma história excelente, com uma forma de escrever maravilhosa. Tudo de bom. Este sim valeu a pena ler, ler e ler.

o coração não é teu, é dela

Provavelmente vais achar que avançaste depressa. A paixão tem dessas coisas, não existe tempo. Foi cedo para entregares a alma, isso foi. Não digas o mesmo do coração. Sabias que ele tinha namorada, era tudo recente. Sabias que te ia usar para esquecer o fim recente. Nunca é fácil deixar de ser cobarde e fingir esquecer um passado marcado pela dor. Sabias. Agora não te arrependas do que fizeram os dois. Foi bom, foi giro. Não tens culpa da rapidez. Sempre soubeste ficar no teu canto à espera que te incendiassem o coração. Não contavas que fosse assim. Ajudaste a incendiar o coração de alguém por outra pessoa, essas coisas também acontecem. Nem sempre és tu a escolha.
 
de Cláudia Oliveira
ascronicasdeamor.blogspot.com

guarda isso

A Nereida vai leiloar os brincos que o Cristiano lhe ofereceu. Não se faz. Uma prenda é uma prenda. Sei que a moça vai acabar por rechear um pouco mais a conta para comprar os sofás que anda há muito a ver na montra da loja, mas é coisa que não se faz. Não acho bem. As prendas que Nereida deu ao Cristiano com certeza que ele fez questão de guardar numa caixa de papelão dentro do armário até a Iryna descobrir e deitar aquilo fora. Ela devia fazer o mesmo. São um bocadinhos dos dois.

querem lá ver

 

Nunca fiz a vida difícil às namoradas dos meus amigos. Acho eu. Não seria coerente da minha parte perder os meus amigos, abrindo mão para outro qualquer. Não. Gosto de saber se estão bem entregues e pronto. Se és feliz então força. E só isso me interessa. Se choras de mais, assim não. Vão ter de justificar, sem ter a obrigação de o fazer. Simplesmente serei aprimeira a perguntar, "então pá? mas é a sério ou queres brincar com o coração dela?". E se o meu nariz empinado cheira tudo menos amor, dedicação e companheirismo o caldo está entornado. Sim, faço a vida negra dos namorados das minhas amigas mas nunca uso o "apeteceu-me". A vida dos meus amigos não é uma festa na mão dos outros, muito menos na minha. Era o que faltava.

 

 

muito bom!

 

 

 

Troquei o leite condensado pelo leite concentrado. Engano notado a tempo. Fiz o doce que costumava fazer. Aquele com bolacha Maria e o dito leite condensado com natas. Muito bom (a frase do momento!), muito bom (vês?!). Queria ter aproveitado mais o sofá mas o petisco antes do jogo não deixou. É mania de ser a única a não deixar queimar a comida. É a mania de querer fazer tudo ao mesmo tempo. Ainda não provei o doce mas aposto que está como costuma ficar.

 

Sempre gostei de cozinhar mas ultimamente gosto mais ainda.

 

Pág. 1/6

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D