Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

que tem os livros de mal?

64_large

 

Até me podem desiludir, mas nunca me vão engordar. E não fazem mal à saúde. E podia encher este blogue com razões suficientes para lerem bem mais importantes que as anteriores. Não percebo como pode existir pessoas que não gostam de ler. Não consigo perceber. Pronto.

 

Se gostam de ler é meio caminho andado para serem meus amigos. E despertarem interesse na minha pessoa. Caso contrário, têm de me mostrar uma paixão que valha tão a pena como a literatura.

 

Coisa que raramente conseguem fazer.

sentei-me no alto da ignorância

2vmwqpi_large

 

Ela sacou da pistola e quis dar-me um tiro. Escondi-me atrás de um carro mas  mesmo assim apanhou-me. Pedi ajuda e ninguém se mexeu com medo. O mesmo medo que o meu. Ela puxou-me o cabelo ao longo de alguns metros. Gritei até ficar rouca. Sem me defender. Os meus olhos apenas viam o chão e os pés dela. A pistola de um lado para o outro. Cheguei a pensar que seria a ultima vez que pensaria nele. A ultima vez que o iria ver a correr em minha direcção para me ajudar. Enfrentando o mal dos outros em nosso favor. Felizmente enganei-me. Voltei a encontrá-lo mais tarde, junto ao muro com grafitis de namoros e iniciais igual a amo-te, e rir de tudo. Sem medo. Longe dela. Cruzei todos os dedinhos, desejando-a longe. De uma vez por todas. Para deixar entrar a ironia juntamente com a certeza (ou a razão) na minha vida com tanto espaço para tudo.

 

Deixei-a espacar impune, marquei-me. Marquei-me dela.

 

 

Resposta à Pergunta da Semana

A vingança consome. Dá cabo de quem tem o corpinho cheio de ódio. Não deixa pensar em mais nada. Quem é que ganha com isso? O inimigo. Não, a vingança não se serve de forma nenhuma. O melhor é ignorar ou deixar os outros tratarem disso por nós. Ahahahaha.

Como tem passado?

Quem passa por mim não consegue imaginar o que tenho comigo. Desejam-me os bons dias sem fazerem ideia que preciso de dias bons. Hoje estou virada de costas para o Sol. Sem saber muito bem o que pensar da vida. Que me anda a falhar anda. Deixando-me sem palavras para os outros, para quem passa por mim e me diz boa noite. Eu desejo muito adormecer sem lembranças. Desejo tanto. Voltar ao ponto inincial onde desconhecia os meus sentimentos. Sem a pressão de não perder a oportunidade de ser feliz. Sem os outros perceberem a história. Passam por mim, desejam-me boa sorte e não fazem ideia que é disso que preciso urgentemente.

Pág. 1/8

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D