Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

A Mulher Certa

claudiaoliveira23[gmail]com

Decisões, para que te quero

DIY Studded Jacket, Rolling Stones, DIY Earring, Oversized Cardigan

 

Não sei se foi do calor que apanhei na moleirinha, mas que decidi deixar de fumar de vez, decidi. Que decidi não voltar a colocar um cigarro na boca, decidi. Decidi, pronto. É uma questão de não me enervar. De andar, como ando agora. De bem com a vida. Que nada, nem ninguém me venha destruir a calmaria que se faz sentir dentro do peito e arredores. Para não voltar a fumar, para não voltar a passar horas com cigarros na boca enquanto encho os pulmões com nicotina e penso no raio das coisas que me acontecem. Há fins de semana decisivos, este foi um deles.

 

Cada vez gosto mais de mim, mais dos meus fins de semana e das decisões que tomo.

My precious

Prada Heels

 

Caiu o primeiro dente à Daniela. A minha preciosa irmã.

 

- Mana, vou colocar o dente debaixo da almofada para  a fada do dente me deixar umas moedas.

 

Parece que a fada do dente esteve lá em casa e lhe deixou umas moedas. Quando saí de casa a pequena ainda estava a dormir. Estou para ver o que me vai dizer logo à noite. Se for como no Natal,  vou ser desmascarada. "Mana Pai Natal, eu sei que és tu". Veremos se desta me safo.

Onde anda a minha cabeça?!

 Cheap Monday Skinny, Topshop It's Studded

 

Depois de três pesadelos com sangue e mortos, acordei sã e salva do tormento que passei durante a noite. Eu acho que é culpa do raio do livro que ando a ler. A Guerra dos Tronos de George R. R. Martin. Alguém conhece? Nos meus sonhos para além do sangue que voava, entre espadas e murros, havia orgias. Sim, muito sexo à mistura. Acho que é culpa da serie que ando a ver. Californication, conheces? Isto é apenas uma justificação para a minha linda cabeça ter ido buscar aquelas imagens. Não vejo outra. Ou isso ou sou uma psicopata, sem pato.

Vou casar e agora?!

Garage Sale Formal Dress

 

Olha para mim a casar com outro que não tu. Olha bem para o meu vestido de princesa, tal conto de fadas. O meu cabelo preto brilha no escuro do quarto. Tenho os sapatos que sempre desejei, quase quase de cristal. O meu rosto parece feliz mas escondo a tua tristeza em mim.  Eras meu namorado mas nunca te quiseste comprometer. Fingias que era um simples romance de meses e tudo passaria. Jamais pensaste em amar, até ao dia que me perdeste. Agora, aqui estou eu a construir família com outro alguém que não tu. Sorridente porque tenho o meu dia e tu quiseste aparecer para me ver. Achavas que era menina para desistir, por ainda ser louca por ti. Não, tudo passa e tu não soubeste aproveitar isso. Não quiseste que fizesse parte da tua vida. De verdade. Hoje queres, porque já não tens controle sobre mim. Já não choro lágrimas se não estás. Descobri que afinal sei caminhar no alto da plenitude, sem cair nos teus braços. Olho-te nos olhos e não sinto raiva. Seguro o meu bouquet de flores com firmeza. Sem olhar para o chão.

 

Hoje és tu que choras, porque tiveste a tua oportunidade e não soubeste agarrar. Com força. Com o único objectivo de me amar. Hoje sentes que me perdeste, que perdeste a tua vez de me deixares mostrar-te o amor. Tu sabes disso. Sabes que não te vais perdoar por isso. Agora que acordaste. Tu sempre soubeste, mas o teu medo de perda era bem maior que o meu, sem eu conhecer. Sem eu sequer suspeitar, tu finjas-te forte e eu acabava por ser sempre a fraca. E afinal, era o contrário.

 

Hoje é tarde, mesmo que me venhas dizer que nunca o é. E hoje, talvez percebas que afinal tinhas razão. Sim ,tinhas razão. Principalmente quando me dizias que eu era a mulher da tua vida.

 

E tu o homem da minha.

A minha melhor qualidade é o meu pior defeito

no Porto

 

Na jantarada que houve lá em casa apontaram-me a minha melhor qualidade e o meu pior defeito.

 

Qualidade, "és muito querida".

Defeito, "és querida demais".

 

É possível isto? Pois, se calhar não percebi. Quando se é querida demais transforma-se em defeito?

 

Expliquem à Mau Feitio e digam-me a vossa melhor qualidade e o vosso pior defeito.

Momentos Martini

 

És feliz? Pergunta-lhe.

 

Ela diz que sim, que é. Que tem tudo o que mais deseja. Enquanto mexe o gelo no copo com martini, demora alguns minutos para perceber o que acabou de dizer.  Procura uma resposta interior. Hum, se sou feliz...

 

Se ser feliz é passar as noites deitada de barriga para cima a pensar naquele rosto, sou. Se ser feliz é acordar e sentir falta daquele corpo na cama, sou. Se ser feliz é saber que ninguém apagará aqueles momentos a dois, sou. Sim, sou. Se ser feliz é comer um gelado de manga e recordar as nossas noites no Algarve, sou. Se ser feliz é usar aquele vestido azul e lembrar-me que ele gostava de o tirar, sou. Se ser feliz é aceitar que mesmo que não tenha resultado tudo era perfeito, sou a mulher mais feliz do Mundo.

 

Calou-se, e guardou essa resposta consigo. O Martini estava bom.

Em tempos de euforia

 

me

 

Podemos ter paixões. Muitas paixões. Amores de Inverno ou Verão. Sexo de uma ou duas noites. Uma noite pode ser mais longa que qualquer dia da semana. Podemos iludir o coração com palavras de sedução. Acreditar que desta vez tudo será alinhado com Vênus. Que vem aí a felicidade. Podemos tentar convencer a nossa cabeça que ali está o que sempre se esperou. Podemos tocar mais corpos, sentir novas emoções, desfrutar das coisas boas da vida. Trocar olhares discretos. Pedir para tudo acontecer com paixão. Sim, nós podemos isto e muito mais. Podemos o  que queremos. Podemos.

 

Só não podemos enganar o coração durante muito tempo. Ele reclama e nós lixamos tudo. Se é aquela pessoa, é aquela pessoa e isso venha quem vier para tentar apagar. Simplesmente é fácil viver a euforia, com o sentimento lá dentro. Sempre se esconde. Só que um dia, em dias de monotomia e televisão até horas tardias, tudo está como se deixou. Ainda. Ainda.  

 

Eu não tenho dias assim. Não ligo a televisão.

 

 

Pág. 1/3

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D